segunda-feira, 25 de abril de 2011

A razão do nosso sofrimento!


Amado de Deus, bom inicio de semana para voce!
Semana da Misericórdia...semana de muitas graças... acorremos ao Senhor da Misericórdia, entreguemos a Ele todo o nosso ser, o nosso coração!
Jesus sempre fala comigo nas celebrações da Semana Santa...e esta semana, não foi diferente.
Durante toda a quaresma eu e minha amigas de oração, as quintas-feiras, rezamos a Via Sacra, sempre seguida do terço da Misericórdia...
Cada Via Sacra meditada, cada lição maravilhosa de Jesus para nós, suas pobres filhas!
Mas nesta semana santa, já na segunda feira, Jesus falou ao meu coração como foram difíceis os dias que antecederam a sua paixão...em casa eu falei ao meu esposo e filhos, Jesus está sofrendo muito, pense n'Ele algumas vezes nestes dias...
Na quarta feira, dia conhecido como o das trevas por Judas decidir trair Jesus, nosso Senhor me fez pensar muito em seu sofrimento. E, na minha humanidade pensei que o sofrimento estava no fato de Judas escolher trair, a dor da traição de um amigo que durante três anos conviveu com Ele 24 horas do dia, presenciou seus milagres, foi tocado por Ele, ouviu suas Palavras... e fiquei pensando nisto...
Na quinta feira santa, por ser feriado, somente eu e uma amiga fizemos a Via Sacra e, quando chegou na sétima estação, Jesus me falou sobre o seu sofrimento a respeito de Judas e que, de forma nenhuma se deu pela sua traição, mas Jesus sofreu porque aquela alma, no seu livre arbítrio, escolheu as trevas, se perdeu...Jesus chorou e sofreu porque no coração de Judas satanás foi vencedor...
Na estação seguinte, Jesus me falou: "Stela, amada minha, não chore por mim, mas chore por você mesmo e pelos seus filhos..." Então eu entendi tudo...Jesus não quer que nenhuma alma se perca, precisa de nós, precisa de almas que aceitem o sofrimento pela salvação dos pecadores...
Durante a celebração do lava pés, meu filho Lucas perguntou: "Mãe, porque Jesus lava os pés dos discípulos, eu não entendo isto!?!"
E eu expliquei: "Lucas, Jesus está nos ensinando a servir sempre, mas principalmente, Jesus está ungindo os pés dos seus discípulos, os nossos pés, filho, para Caminhada...não foi fácil para os doze, não será fácil para nós também!" Então, mais uma vez, a luz se fez em meu coração e senti muito forte esta pergunta: "Filha, onde estão os teus?"
"Meu Senhor, quantas pessoas da minha família ainda precisam reconhecê-Lo como Senhor de suas vidas, quantos hoje estão se divertindo no mundo, sem nem ao menos lembrar do seu sofrimento, predoem-nos Jesus, salva-os, Senhor!"... então comecei a chorar e meus filhos perguntaram: "Mãe, o que foi?" E eu respondi: "Se a nossa familia buscasse Jesus, nosso sofrimento seria aliviado..." E entendi tudo, meus irmãos, tudo mesmo!
Entendi que não tem como seguir Jesus sem estar comprometido com a sua missão, isto é : SALVAR ALMAS. E que, comprometer-se significa aceitar sofrer para salvar almas...começando pela nossa familia, amigos, e outros por quem rezamos... mais claramente irmãos, desejar a salvação de sua familia, significa aceitar os sofrimentos que Deus permitir e oferecer tudo, tudo, pela conversão dos pecadores... todas as almas são preciosas para Jesus...
Terminada a missa, subi para adoração da noite que se estende até a meia noite...meus filhos foram embora... quando cheguei no local preparado para exposição do Santíssimo Sacramento para adoração antes da celebração da cruz, me deparei com um cenário maravilhoso e, Jesus, mais uma vez falou comigo neste cenário.
Durante a semana li no site www.recadosaarao.com.br - (artigo 223 -"Outros- Minha Vida") escritos de uma freira franciscana, especialmente me gravou o seguinte relato:



“Mas Jesus é tão bom e ainda gostava tanto daquela gente má que disse assim: ‘Não faz mal, se toda a gente e também as criancinhas como a Dedé quiserem ser boazinhas, eu as levarei para o bonito Céu, cheio de anjinhos que podem voar como as borboletas’.” 

E D. Mimosa, tomando a piazinha, continuou: 

“E esta moça bonita é a Mamãe do bom Jesus; Ela é boa como seu Filho, e foi com Ele para o Céu.” Aqui acabou a lição, a grande e profunda lição que tão profundamente se gravou na minha alma infantil, e que por três anos devia servir para meu guia. "

Vocês não acreditam, meus irmãos, mas  Jesus foi exposto em um pequeno tronco, e em volta dele duas árvorezinhas cheias de borboletas coloridas! Fiquei estupefada...meu Deus, olha o céu da irmã franciscana...veja os anjos que acompanharam Jesus no horto em forma de borboletas... no final da adoração, uma irmã falou: "irmãos, vejam estas duas árvores cheias de borboletas, querem nos dizer que, precisamos viver as nossas "sextas-feiras santas" com intensidade, sem jamais esquecer a alegria do céu, o verdadeiro sentido do sofrimento, a alegria da ressurreição, a vitória já conquistada por Jesus!"
E, no meu coração Jesus mostrou a outra face do sofrimento...entendi o sentido de dar a outra face ao inimigo que te bate: exatamente mostrar o outro lado do sofrimento, o avesso da dor: o Céu cheio de anjos que voam como borboletas coloridas!
Quando vislumbrava a Hóstia Consagrada sob o pequeno tronco, o sofrimento do horto me entristecia mas, ao mesmo tempo, meu coração se alegrava ao ver as borboletas...
Depois de celebrar o sábado santo, o assalto em casa e a tristeza dos meus filhos: "Stela chorai por vós mesmo e por vossos filhos..." logo em seguida Jesus me convida a aceitar o sofrimento e oferecê-lo pela conversão dos pecadores...rezei pelos ladrões e pedi a Deus pela sua conversão...
Hoje estou me esforçando para ver as borboletas...não está fácil, confesso meus irmãos, mas confesso também a voces: Amo Jesus do fundo do meu coração e continuo dizendo SIM ao céu e não existe céu sem cruz, e não existe cruz sem sofrimento...
Que Deus nos ajude a sermos fiéis até o fim!
PAZ

3 comentários:

  1. Stelinha, é uma loucura tentar enxergar as borboletas neste mundo... mas nós conseguimos enxergá-las todas as vezes que fixamos nossos olhos em Jesus, o amado das nossas almas. Então, Ele nos presenteia com pessoas, como vc, que nos faz perceber que não estamos sozinhas nesta busca por borboletas, tornando esta Terra num lindo campo florido. Bjs, querida amiga!

    ResponderExcluir
  2. Olá Stelinha,
    semana abençoada pra você e toda sua familia.
    Agradeço a Deus por ter achado o seu blog, pois assim eu tenho a oportunidade de ler textos que tanto me edficam. Você é uma pessoa que Deus colocou aqui para fazer a diferença.
    Que Deus te abençõe rica e abundantemente.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  3. Oi Neuza, uma feliz páscoa pra voce, querida irmã!
    Muito obrigado pela força...espero que Deus te abençõe muito também e que corresponda a ânsia do seu coração em buscá-Lo e conhece-Lo sempre e cada vez mais!
    Bjos

    ResponderExcluir