sexta-feira, 12 de agosto de 2011

Explicando a Virtude da Fé para as crianças...


Amado de Deus, sua visita é muito importante para mim e para Deus...temos um plano juntos (eu e Ele) de levar até você o Amor!
Sua vida é muito importante para Deus, não se esqueça que valeu o Seu Sangue Preciosíssimo!
Esta semana encontrei pela frente o desafio de falar para meus meninos sobre a Fé.
Sim, Catecismo da Igreja Católica, Hebreus 11, o nosso material é muito extenso.
Mas, Deus colocou em meu coração uma história que aconteceu comigo, quando era pequena...testemunho de vida que, na sua simplicidade, fala a língua do coração de criança.
Não me lembro bem minha idade, mas acho que tinha meus 08 para 09 anos.
Minha prima, cujo pai era delegado, em seu aniversário, ganhou uma boneca da qual eu fiquei apaixonada. A boneca era linda, tinha chupetinha e quando tirava ela chorava. Parecia mesmo um bebê, com roupinha de lã, sapatinho e vinha em um bebê conforto. Era uma boneca italiana que meu tio comprou de um conhecido que vendia brinquedos importados.
Fiquei apaixonada pelo bebê/boneca...pedi para meu pai: "Pai, no meu aniversário pode me dá esta boneca?" e meu pai disse: "Vou tentar!"
Para mim, vou tentar era SIM!
Então descansei ao longo dos meses, feliz esperando ansiosamente o dia em que meu bebê/boneca chegaria. Sempre lembrava meus pais deste compromisso..."meu aniversário está chegando, papai, já comprou minha boneca?"
E assim os meses foram passando até que chegou o grande dia...
Minha mãe, como  de costume preparou uma linda festinha para mim...ela super prendada, sempre fez tudo em casa...
Lembro-me bem que faltei da aula, para ficar na fiscalização dos preparativos e, principalmente, para esperar o grande momento em que meu pai chegaria com a boneca nos braços.
Passou a manhã, a tarde, meu pai chegou sem nenhum embrulho nas mãos.
Hora da festa e nada. Convidados chegando e nada. Parabéns e nada. Convidados indo embora e nada.
Confiando plenamente que papai cumpriria o que prometeu eu nada perguntei nem para meu pai e nem para minha mãe.
Ninguém tocou no assunto (tenho quatro irmãos) todos num silêncio absoluto sobre a boneca e nem eu ousei perguntar sobre meu presente. Confiava no meu pai.
Fui dormir. Lembro que estava dormindo no colchão porque cedi minha cama para minha tia. No meu travesseiro chorei no silêncio, sem fazer barulho, com dor no peito por não ter recebido a minha boneca e dizia para mim mesmo..."papai prometeu"... e lágrimas sem fim...mas tomei muito cuidado para ninguém perceber que estava triste.
Acontece que, depois que me deitei o vendedor de importados ligou para meu pai dizendo que a boneca havia chegado...meu pai, então, pegou o carro e foi até a casa dele para pegar a encomenda.
Como eu já havia dormido, ele colocou-a ao meu lado, sem fazer barulho para não me acordar.
Quando acordei a felicidade, lá estava a minha boneca tão esperada...corri para beijar meu pai e minha mãe, e estava explodindo de alegria pela promessa cumprida.
A fé é isto. Confiar plenamente que Deus é capaz de ouvir-Te, atender-Te, fazer-Te feliz...Acreditar que Deus tudo pode e que não te abandona nunca...mesmo que pareça já ter passado o tempo, Deus sempre dá um jeitinho para te socorrer...
Não foi assim com Maria e Martha na morte de Lázaro? Com Thalita? E tantos outros milagres que ocorreram depois do "dia fatal"...e Jesus, Ele mesmo, não ressuscitou após o terceiro dia? Não foi depois de ter sido sepultado que Ele apareceu aos seus amados?
A boneca veio. Meu pai cumpriu a promessa. E mesmo que a festa já tivesse terminado, a minha felicidade não diminuiu, ao contrário, foi maior em ver que, quando pensava que tudo estivesse acabado, meu pai me concedeu a alegria de ter meu sonho realizado...
Desde pequena Deus me ensina a experimentar o que é viver na fé, na confiança, na certeza de que Ele sempre está a nossa escuta...A espera confiante, paciente, silenciosa...a espera escondida em Deus...sim, querido de Deus, é importante que você se esconda no coração de Deus, enquanto vive na fé, na espera...assim como me entreguei ao choro no travesseiro, escondida de todos, assim também você, precisa entregar-se ao Sacratíssimo Coração de Deus, escondido n'Ele, chorar, entregar sua espera dolorosa, confiar, acreditar...O Sacratíssimo Coração será o seu "travesseiro" onde descansará a sua alma...
Então,amado de Deus, confia em Deus? Ofereça para Ele a sua fé, mesmo que seja do tamanho de um grão de mostarda, lembra, Ele mesmo se encarregará do milagre, pode ter certeza disto!
PAZ







2 comentários:

  1. Lindo relato minha querida.
    Eu estou muito confiante no milagre de deus em minha vida. Tenho rezado muito por uma vitoria na vida de uma pessoa em minha familia, que esta na beira do abismo, mais sei que deus fará o milagre acontecer, vou ser paciente é esperar.

    Querida, passa no meu blog, tem um selinho que dedico ha você com muito carinho.
    Beijos. Que deus abençoe você é toda sua familia.

    ResponderExcluir
  2. Sim Neuza, você entendeu tudo!!! Ser paciente e confiante!!! Jesus não resiste a um coração que confia n'Ele!!! Tenho certeza que a sua fé será capaz de ajudar esta pessoa da sua família a re encontrar a esperança!!! Seja canal, seja luz!!!PAZ

    ResponderExcluir