quarta-feira, 22 de janeiro de 2014

DEVO SER SANTO, UM GRANDE SANTO!

Olá!

Algumas orientações ou conselhos para quem vive a Escravidão total a Jesus pelas mãos da Imaculada Virgem Maria!
Realmente, são conselhos que nos indicam o caminho do céu, puxados pelas mãos de Maria!
Para você que ainda não fez a consagração total a Maria pelo método de São Luiz Maria G. Monfort, poderá saber, através destes conselhos, quais são as consequências felizes deste ato de abandono e amor à Virgem Maria...
Não demore, querido irmão, para decidir-se pela porta do céu chamada Maria! Este é o grande meio de almejarmos mesmo o paraíso... sem ajuda desta tão boa Mãe, penso ser quase impossível para nós, que vivemos o tempo presente...
Boa luta, bom combate, grandes vitórias pelas Mãos da Imaculada Virgem Maria!
A PAZ!


"DEVO SER SANTO, UM GRANDE SANTO"


1. Para a glória de Deus, devo salvar a mim mesmo e todas as almas presentes e futuras, por meio da Imaculada.


2. Fugir não só do pecado mortal, mas, também, do pecado venial deliberado.


3. Não permitir:


a) que o mal fique sem reparação e destruição;

b) que o bem fique sem fruto e aumento.


4. Minha regra seja a obediência = a vontade de Deus por meio da Imaculada; eu, nada mais que um instrumento...



5. Conservar a Ordem* em tudo, e a Ordem* me conservará.


6. Ação pacífica e benévola.


7. Recordar-me que sou propriedade exclusiva, incondicional, irrevogável da Imaculada. Quanto sou, quanto tenho e poderei ter, tudo (pensamentos, palavras, ações e inclinações agradáveis, desagradáveis, indiferentes) são absoluta propriedade d'Ela... Sou instrumento nas mãos dela... Zelo por Ela, por sua glória e suas coisas, e confio a Ela o cuidado de mim e de todas as minhas coisas...


8. A vida (em cada momento), a morte (onde, quando e como), a minha eternidade, tudo é teu, ó Imaculada. Faze de mim o que te agrada.


9. Tudo me é possível, naquele que me fortalece, pela Imaculada.


10. Vida interior: primeiramente tudo para a própria santificação e, assim, para a santificação dos outros."


Fonte: